vidaslife seguidoras

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Suspiros de amor.

Ao olhar para você hoje,
nada pude sentir,
a sua frieza é tanta
que chega a me ferir
um coração machucado
que sangra sem teu agrado
não posso viver assim,
Meu ser todo suspira,
suspira de amor!
de amor por ti!

Autora Roseli

4 comentários:

One Girl disse...

Que lindo e triste poema! Amei.. ^^ Bjos.

Poemas Tecidos disse...

Pois é, lindo e carregando de uma tristeza que também nos invade.

Obrigada pela amável visita.

Abraços.

Corina de Oliveira disse...

Lindo poema :)


Obrigada pela tua visita! Volta sempre :D

Arnoldo Pimentel disse...

Lindo e triste seu poema,tudo de bom pra você,beijos